.Posts Recentes :

. PREFÁCIO DO RELATÓRIO DO ...

. ARQUITECTURA COVILHANENSE...

. VOLTA A PORTUGAL DOS LIVR...

. REGIÃO DE TURISMO DA SERR...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

. EXCERTOS DA PRODUÇÃO LITE...

.Arquivos :

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Pesquisar neste Blog

 

.Uma Rádio feita só para ti

.tags

. todas as tags

.Apresentação de final de período

Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

DESAFIOS DO SÉCULO XXI, EDGAR MORIN SOB O OLHAR ATENTO DOS SURREALHUMANITY

 

 

SURREALHUMANITY REVISITAM OBRA

“DESAFIOS DO SÉCULO XXI”,

DA AUTORIA DE EDGAR MORIN,

VOLVIDA, QUASE, UMA DÉCADA

 

 

     Começaríamos, em glosa de intróito, por citar “Os Pensamentos”, de pensador Blaise Pascal, subscrevendo as suas proféticas palavras, de então : “ (…) considero impossível conhecer as partes sem conhecer o todo, tal como conhecer o todo sem conhecer particularmente as partes. (…)

 

      Vaticinando, precocemente, o espírito dos tempos de hoje, Edgar Morin, após um pedido formal do então Ministro da Educação, Claude Allègre, numa primeira exposição crítica, feita ao Conselho Científico, a 16 de Janeiro de 1998 – dentro de duas semanas, terá completado uma década, note-se -, apresenta, na sua habitual cordial inteligência, um duplo problema fundamental :

 

     por um lado, o enorme desafio da globalidade, face ao patente desajuste entre um saber fragmentado nas diferentes disciplinas e as novas realidades multidimensionais, transversais, pluridisciplinares e, até mesmo, transdisciplinares ;

 

     por outro, a não pertinência do nosso modo de conhecimento e de ensino, que nos leva a separar e e a não religar.

 

     É notório que a obra que, aqui, vos apresentamos, à medida que progredimos na sua leitura, nos vai desenhando, progressivamente, um quadro conceptual de resposta exequível, muito sensato e à espera do aval dos máximos intendentes.

 

     Em traços muito gerais, nem poderia ser de outro modo, dadas as circunstâncias, procuramos, de seguida, sintetizar as finalidades educativas que preconiza :

 

(i)         formar espíritos capazes de organizarem os

conhecimentos em vez de armazenarem uma acumulação de saberes ;

 

(ii)        ensinar a condição humana, ausente dos manuais ;

 

(iii)      aprender a viver, ou seja, preparar para enfrentar incertezas ;

 

(iv)        refazer uma escola de cidadania.

Sem margem para dúvidas que, para este acérrimo resistente ao nazismo e ao estalinismo, à procura de um novo método capaz de apreender a complexidade do real, a coluna vertebral do seu livro resume-se ao anseio de integrar as disciplinas em quadros de pensamento que correspondam, efectivamente, aos grandes problemas com que o espírito nos confronta : o Mundo, a Terra, a Vida, a Humanidade ; atribuir uma igual importância à cultura das humanidades e à cultura científica, fazendo-as comunicar ; regenerar as virtudes cognitivas e existenciais da Literatura, da Poesia e das Artes, em geral.

 

Ressuscitará, deste novo Paradigma, uma nova Cultura ? 

Como redesenhará Ela o Novo Mundo XXI ? ...

 

 

In “O Desafio do Século XXI – Religar os Conhecimentos”, Colecção Epistemologia e Sociedade, Edgar Morin, Instituto Piaget, 2001

Sinto-me: DESAFIADO PELO SÉC. XXI E...
tags:
Publicado por $urrealHumanity às 03:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|

.Lloret de Mar

.Mais sobre mim

.Tu fazes parte deste número

.Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Favoritos :

. Apresentações CCC on the ...

.LinKs

blogs SAPO

.subscrever feeds